Cartas Filósoficas- Voltaire

122 Sidor
bookCoverFor

Beskrivning

Voltaire utiliza temas como religião, teatro, medicina, política e ciência para demonstrar a inter-relação entre a linguagem e o procedimento. A abordagem, crítica, aguça a reflexão do leitor. Faz um comparativo entre o comportamento dos ingleses e franceses, assinala as diferenças entre os dois povos e ressalta o quanto a conduta interfere na vida, no bem-estar e no futuro das nações. Os diálogos, referidos em suas cartas, incitam debates sobre temas que muitas vezes passam despercebidos, a exemplo da conversa com adeptos da seita quacres (tremedores), ao se referir à ausência de padres em seus templos: “Por que entregaríamos nossos filhos a amas mercenárias, quando temos leite para lhe dar?” Sobre vacinas, cujo processo era bem diferente do atual, o autor cita: “Dizem a meia voz na Europa cristã que os ingleses são loucos e temerários: loucos porque dão a varíola a seus filhos para impedi-los de tê-la; temerários, porque transmitem de coração leve a essas crianças uma doença certa e terrível, visando prevenir um mal incerto.” Ao escrever sobre os acadêmicos, Voltaire diz: “A necessidade de falar, o inconveniente de não ter nada a dizer e a vontade de ter espírito são três coisas capazes de tornar ridículo mesmo o maior homem.” As Cartas Filosóficas formam uma espécie de síntese do moderno liberalismo, antevendo conceitos, atualmente aceitos, focados em personagens, responsáveis por ideias que provocaram mudanças sociais. Shakespeare, Newton, Locke, e Swift, são citados como alguns dos causadores das variações históricas. Voltaire abre uma perspectiva crítica, a partir da qual o leitor se deleita, de forma descomprometida, e tem à sua frente o mundo com o retrato aos seus questionamentos.
Författare:
Format:
E-bok
Sidor e-bok:
122
Språk:
Portugisiska
Utgiven:
2021-08-04
Förlag e-bok:
Clube de autores
ISBN e-bok:
6569000048982

© Clube de autores (E-bok)